Saída de Barbosa do STF foi motivada por ameaças sofridas durante o mensalão, diz jornal

Havia ameaças de morte, com telefonemas para o gabinete e a casa dele, com frases covardes como: “Sua hora está chegando” — relatou o diplomata Silvio Albuquerque, na tentativa de explicar o inesperado gesto do então presidente do Judiciário brasileiro.



— Não se surpreendam se eu largar o Supremo antes das eleições — avisou Barbosa numa dessas conversas, informando que voltaria a dar aulas e a fazer palestras, ainda em 2014.

Desde o julgamento do mensalão Barbosa vinha recebendo diversas retaliações petistas, um fato recente que ganhou grande repercussão foi a hostilização do ministro por um grupo de esquerdopatas durante a saída de um bar em Brasilia, assista a gravação do acontecido: Simpatizantes de Dirceu tentam humilhar Joaquim Barbosa na saída de um bar em Brasilia. Assista

A mídia também divulgou na época a investigação da Polícia Federal, que descobriu a identidade de um dos bandidos que vinham fazendo ameaças de morte a Barbosa pela web, o indivíduo identificado é um membro do Partido dos Trabalhadores.

Segundo informações de pessoas próximas à Joaquim Barbosa, em uma conversa Barbosa teria dito “To precisando viver”, o amigo de Barbosa também disse que o ministro está agora aliviado com sua decisão.

Informações: Jornal o Globo

SHARE ON:

Hello guys, I'm Tien Tran, a freelance web designer and Wordpress nerd. Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudantium, totam rem aperiam, eaque ipsa quae.

    Blogger Comment